Todo mundo “pensando” em deixar um planeta melhor para nossos filhos…

“Todo mundo ‘pensando’ em deixar um planeta melhor para nossos filhos…Quando é que ‘pensarão’ em deixar filhos melhores para o nosso planeta?”

Copiei este título de uma discussão que se iniciou hoje, em um grupo sobre Ética, no LinkedIn.

Achamos que é um tema muito relevante e fundamental para os tempos de hoje, e vindouros.

Abaixo estão minhas primeiras considerações, colocadas no grupo de discussão.

“…

Fundamental este tema, sem sombra de dúvida!

Educamos nossos filhos, iniciando pelo exemplo que damos, em casa e fora de casa, no entanto, o que eles observam à sua volta (escola, jornais, tv, internet, etc.) é justamente o contrário do que, o que nós tentamos demonstrar que é o correto.

Em 2005, eu e um amigo, escrevemos um livro sobre o empreendedorismo e rede de negócios, e mais da metade do livro procuramos passar conceitos básicos, sobre vários assuntos e sempre “batendo na tecla” do ético e não ético, do certo e do errado, inclusive tocamos no assunto sobre, justamente, a educação das crianças.

Contratamos uma leitura crítica e o resumo da crítica foi que nosso livro era cheio de “achismos”… que eram justamente as explicações sobre ética, honestidade, princípios, educação…

Tentamos uma meia dúzia de editoras para editar o livro, sem sucesso. Devem ter achado, também, que era cheio de “achismos”…

Posso dizer, de cadeira, que essa é uma luta inglória, mas, também, digo e pratico, que é fundamental esse posicionamento. Pois é desesperador, com raras exceções, as referências, atitudes, práticas e filosofia que estão direcionando os nossos jovens.

…”

Anúncios

4 respostas para “Todo mundo “pensando” em deixar um planeta melhor para nossos filhos…”

  1. Grande Xará,
    A frase sobre filhos está intimamente ligada à educação da qual tanto tenho falado. Infelizmente a sociedade tem se tornado cada vez mais egoísta e olha apenas para seu próprio umbigo. Vemos isso no trabalho, no trânsito, nas ruas, nos shopping centers. Sempre o eu aparece em primeiro lugar e é esta a educação que será legada à próxima geração porque os pais delegam a educação que deveria ser dada em casa, à escola.
    Quanto aos comentários do livro, sou suspeito prá falar, mas vivemos num país de pouca leitura e que valoriza o livro como um bem de consumo e não como uma ferramente de aprendizado e de aperfeiçoamento da sociedade como um todo. Se nós não somos famosos, dificilmente seremos lidos, porque não somos comercializáveis.
    Abraço.

  2. Grande Xará,

    Quanto ao nosso livro, ainda está em tempo, pois muito do que escrevemos é atemporal. E também escrevemos sobre assuntos, em 2005, que foram ocorrer, somente, em 2008 (a crise atual), o que não precisaria ser nenhum ser dotado de premonição, para adivinhar o que iria ocorrer, seria só usar o bom senso para prever isso.

    Quanto à leitura, é realmente uma pena, pois tem muita gente boa, com matérias e conteúdos importantes a contribuir para melhorar nossa sociedade, mas, como você disse, o que é comerciável às vezes é diferente do que é “valorável”.

    Grande Abraço,
    Mário Ferreira

    1. Olá Rafael,

      Obrigado pela sua visita e comentário. Já fui olhar o seu blog e além de você tratar de dois assuntos cruciais e extremamente inter-relacionados, achei nota 10 o conteúdo do blog! Já tem mais um leitor do seu blog!
      Um abraço,
      Mário Ferreira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s